Início Revista Pulso Revista Pulso – edição 118 – Setembro/Outubro 2018

Revista Pulso – edição 118 – Setembro/Outubro 2018

R$18,90

100 em estoque

REF: Revista Pulso edição 118 Categoria

Descrição

Esta edição é um marco para nós, pois foi há 20 anos, em outubro de 1998,
que lançávamos a primeira Pulso. Na época a revista era trimestral e, por isso,
a edição número 1 foi lançada em outubro daquele ano (out/nov/dez). Muito
obrigado a todos vocês que nos têm acompanhado desde o início e àqueles que
chegaram ao longo de todos esses anos.

Nosso entrevistado desta edição é Christian-Louis Col, novo proprietário da marca
Ikepod, que devido a questões de mercado, por duas vezes acabou encerrando suas
atividades, primeiro em 2006 e depois em 2012. Hoje a marca renasce com o projeto
de manter o interessante design de seus relógios, mas com preços finais bem menores.
Nossa capa traz uma releitura atual do Omega Seamaster Diver 300M, lançado em
1993, sendo, na época, o primeiro relógio especificamente desenvolvido para a prática
do mergulho depois de muitos anos. O modelo também deu início a uma longa
parceria nas telas com o famoso agente britânico James Bond.

Doze anos após a primeira matéria “O relógio e seus materiais”, publicada na edição
43 da Pulso, em março de 2006, nosso colaborador Adriano Ramos Passarelli volta
ao assunto dos materiais usados nos relógios modernos. Muita coisa na indústria
relojoeira mudou nessa última década.

A Victorinox traz para o Brasil o novo relógio I.N.O.X. Carbon Limited Edition com
caixa em carbono, de edição limitada a 1.200 exemplares. Seu visual bem esportivo
e escuro destaca ainda mais a pulseira laranja em Paracord, confeccionada em
multicamadas de náilon de alta resistência, suportando até 250 kg. Um bumper com
lanterna USB recarregável e removível protege o relógio de impactos.

Nosso colaborador César Rovel nos apresenta um novo relógio desconhecido no
segmento, mesmo para os colecionadores — o Eccentricity do jovem relojoeiro
francês Cyril Brivet-Naudot. Esta magnífica criação é uma peça única, feita inteiramente
à mão, sem o uso de tecnologia CNC e com uma abordagem artesanal e estética
inspirada nos relógios franceses do início do século XIX.

A série Caneta do Ano Faber-Castell foi apresentada pela primeira vez em 2003 e
logo chamou a atenção dos colecionadores. Em 2018 a marca homenageia o Império
Romano do século VIII a.C., que conquistou três continentes — Europa, África e
Ásia — e ainda hoje, nos primórdios do terceiro milênio, continua exercendo grande
influência sobre o mundo moderno.

A Mido celebra 100 anos em 2018 e na matéria de relógios femininos destacamos uma
versão lançada para celebrar esta data. O Mido Baroncelli 100th Anniversary Limited
Edition tem caixa em aço inoxidável de 33 mm de diâmetro revestida em PVD na cor
de ouro rosa, mostrador branco em madrepérola e movimento automático ETA 2678.

Informação adicional

Peso 0.250 kg
Dimensões 30 x 23 x 1 cm

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “Revista Pulso – edição 118 – Setembro/Outubro 2018”

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

FIQUE CONECTADO